setor industrial

O potencial do mercado de trabalho para o farmacêutico no setor industrial

O segmento de produtos farmacêuticos vem contribuindo de forma importante para os resultados da indústria brasileira. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), este foi um dos setores que impulsionaram o crescimento da produção industrial no Brasil em abril de 2017, fazendo com que o setor alcançasse o primeiro resultado positivo deste ano.

Este cenário favorável da indústria farmacêutica abre mercado de trabalho para um profissional extremamente requisitado e essencial para a área da saúde: o farmacêutico industrial. Atualmente, o potencial de mercado para a atuação do farmacêutico na indústria é bastante positivo, principalmente em Estados que são considerados polos industriais no país, como São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

A atuação do farmacêutico na indústria pode acontecer em diferentes áreas, como nos setores de cosmética, farmácia, alimentos, farmoquímica, entre outros. As posições ocupadas nestas plantas também são diversificadas, sendo que as principais são:

  • Garantia da qualidade;
  • Controle da qualidade;
  • Assuntos regulatórios;
  • Engenharia;
  • Qualificação e validação;
  • Supervisão de produção;
  • Farmacovigilância;
  • Controle de documentação técnica;
  • Pesquisa e desenvolvimento de produtos;
  • Muitas outras áreas.

De uma forma geral, o farmacêutico industrial está envolvido em toda a cadeia de produção de uma indústria, direta ou indiretamente. Isso faz com que este profissional seja valorizado e, até mesmo, disputado pelas organizações. Contudo, para obter êxito neste mercado, é importante que o farmacêutico seja bem formado e especializado, contando, inclusive, com títulos de pós-graduação em cursos como gestão industrial farmacêutica, controle de qualidade para a indústria farmacêutica, entre outros. Vale ressaltar também que o domínio de um segundo idioma, preferencialmente o inglês, abre boas oportunidades para este profissional.

A importância do farmacêutico na indústria

O farmacêutico tem um papel importante na indústria, pois é ele o responsável por diversos controles de qualidade e inspeções obrigatórias por lei. Na área de produção de medicamentos, por exemplo, o profissional atua no controle da pureza, da qualidade e da eficácia dos produtos farmacêuticos, evita qualquer tipo de contaminação, é responsável pelas boas práticas de fabricação, realiza programas de validação de processos, trabalha na certificação de fornecedores, participa de auditorias, desenvolve e certifica novos produtos e é responsável por aprovar os produtos finais que seguem para o mercado.

Além disso, o farmacêutico industrial também trabalha na pesquisa de novos medicamentos e cosméticos, na área de manipulação, em análises laboratoriais, na toxicologia ocupacional no ambiente de trabalho, no controle da qualidade microbiológica e na pesquisa de alimentos.

Como é possível notar, o mercado de atuação para o farmacêutico industrial é amplo e promissor no Brasil, e isso sem falar nas possibilidades de trabalho na área acadêmica e de pesquisa.

Segundo o Conselho Federal de Farmácia, o Brasil é uma potência mundial dentro do mercado farmacêutico. As estimativas da IMS Health indicam que, até o ano de 2018, o país deve se consolidar como o quarto maior mercado consumidor de medicamentos no mundo, o que deve ampliar ainda mais a demanda por profissionais bem formados no segmento.

Tags: , , , , , , , , ,


Publicidade

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta